sábado

Boneco de Papelão

O frio toma o meu corpo por completo.
O “monstro destruidor de desejos” fala em um desespero que é só dele. E me ignora.
Calculo os meus dias e evito a autopiedade.
A pena é algo que me deprime.
Hoje, pela manhã, recebi o tão amoroso (ou seria confortável?) beijo materno.
O calor de sua boca ainda se encontra intacto em minha face.
Menino de ouro desencaminhado.
Eu queria saber por que é que as pessoas enxergam atravez de mim. Elas não me olham, me atravessam.
Atravessam tão rápido, que é impossível de eu me sentir invadido.


C.

10 comentários:

Daniela Andrade disse...

Admiro o modo que vc descreve o mundo, seja seu mundo particular ou mundo geral.
Mas, quando vc diz:"Eu queria saber por que é que as pessoas enxergam atravez de mim. Elas não me olham, me atravessam". E o que vc mostra de vc para as pessoas?
Talvez seja mais fácil e mais importante, cada um de nós, nos enxergamos do que querer enxergar os outros.
Bjs querido...

Daniela Andrade disse...

Q lindo Cassito!
Acho q vc escolheu um bom caminho para salvação:)

.Profusion disse...

"Atravessam tão rápido, que é impossível de eu me sentir invadido"

???

ahahah

Saudades...

Daniela Andrade disse...

Ah, amigo vc é tão poetico. Obrigada!
Estou passando por uma fase meio complicada com Hieros, mas espero q isso n abale nossa convivencia:)
bjkas

Hieros Vasconcelos Rêgo disse...

Por toda a vida pessoas vão nos atravessar, nos importunar com seus olhos maliciosos, cheios de sentimentos ocultos. Só nos resta viver e contar apenas com os nossos próprios olhos em frente ao espelho. Nossa face é a única que deve nos assustar. A dos outros, deixe-as passar.
Ultimamente tenho me sentindo um herói estuprado pela vida, mas um herói por continuar a viver e encontrar soluções!
abs

sou disse...

eu tô de visu novo.

rei vulgar disse...

de visu novo de novo bixa

Jeremy disse...

Eu detesto quando me olha assim, por mim tão rápido que nem os sinto.

Não gosto de me setir invadido, mas detesto mais ainda quando me sinto ignorado.

.Profusion disse...

Como estás? o preto nos oferece infinitas possibilidades de cores...

abraços

.Profusion disse...

Nunca mais entrou no msn...

Saudades de conversar com você...